10 anos da Fundação no Brasil

O destino da Terra – O grande desafio verde

Relatório IAASTD – Novas perspectivas para o uso da terra?
O nome complicado do relatório acima significa, em português, Avaliação Internacional do Conhecimento, da Ciência e da Tecnologia no Desenvolvimento Agrícola, e é uma complexa iniciativa do Banco Mundial, em parceria com organizações multilaterais (FAO, PNUD, GEF, PNUMA, OMS e UNESCO), representantes de governo, da sociedade civil, do setor privado e cientistas do mundo todo, unidos para discutir, entre outras coisas, como tornar a agricultura uma fonte real de alimentos nutritivos, com preços acessíveis, e de forma sustentável ambiental e socialmente.
Um trabalho dificílimo, aprovado em 2008, em Johanesburgo, mas que vem sendo sistemática e propositalmente “esquecido” por apresentar resultados no mínimo desagradáveis para a indústria do agronegócio no mundo todo. Um desses apontamentos é que manter o modo como se pratica a agricultura hoje, a agricultura industrial, baseada na monocultura e com uso intensivo de fertilizantes e pesticidas, não é mais uma opção válida.
Para falar sobre esse relatório tão pouco conhecido e divulgado, e também sobre questões intrínsecas a ele, como biodiversidade, transgênicos e as alternativas a esse modelo, convidamos Rubens Nodari e Marijane Lisboa, respectivamente, professor de Recursos Genéticos Vegetais da UFSC e professora do curso de Relações Internacionais da PUC-SP, para falarem durante a conferência “O que é política verde hoje?”, na mesa que falava sobre as novas perspectivas para o uso da terra.
Mais »

10 anos da Fundação no Brasil - O que é política verde hoje?

O verde na política: Partidos e movimentos - O que compõe o DNA de um partido verde?

- May 28, 2010 - Um dos debates da conferência que mais provocou a reação do público foi o que transcorreu durante a mesa que reuniu Alfredo Sirkis, presidente do PV no Rio de Janeiro (PV-RJ), e Bärbel Höhn (deputada federal do PV na Alemanha). Boa parte da reação do público se deu em função de críticas e defesas da pré-candidatura da senadora Marina Silva à Presidência da República. Questões polêmicas como o aborto e as grandes barragens, como é o caso de Belo Monte, geraram muitas perguntas e reflexões durante o debate.
No entanto, o objetivo principal da sessão era tentar identificar o “DNA” do Partido Verde, tanto o alemão - surgido no início dos anos 80 -, quanto o brasileiro, ressaltando suas semelhanças e diferenças e também a distinta realidade dos dois países, e que fazem com que cada um tenha desafios muito particulares a serem enfrentados. Leia aqui »

10 anos da Fundação no Brasil - O que é política verde hoje?

Territórios do futuro

- May 27, 2010 - A luta de quase 40 anos em favor de causas socioambientais do educador da Fase e um dos mais importantes ambientalistas atuantes no Brasil, Jean Pierre Leroy, está reunida em um livro que acaba de ser lançado. “Territórios do Futuro - Educação, meio ambiente e ação coletiva” reúne, em 19 artigos, relatos e reflexões fundamentais para o debate sobre o futuro da vida no planeta, deste que foi um dos precursores na junção do tema ambiental à questão social brasileira. A primeira parte do livro trata do fundamento de sua prática política: a educação popular e os movimentos sociais. Outros temas igualmente importantes e que estão presentes na obra - que teve apoio da Fundação Heinrich Böll -, são: desenvolvimento, amazônia agricultura e biopolítica, e relações internacionais.
A publicação foi lançada durante a conferência "O que é política verde hoje?" e está sendo vendida nas principais livrarias do Rio e do país.
Além disso, pode ser obtida no escritório da Fundação (entre em contato conosco por e-mail ou por telefone +55-21-3221 9900).

10 anos da Fundação no Brasil - O que é política verde hoje?

Um Brasil sustentável sem nuclear nem grandes barragens, é possível?!

- May 27, 2010 - Estamos vivendo uma fase em que o “aquecimentismo” acaba por justificar todas as medidas que supostamente seriam necessárias para diminuir a emissão de CO2. Este momento tem ofuscado a discussão sobre energia e prejudicado a divulgação de pesquisas relacionadas às energias limpas, além de promover falsas alternativas como a energia nuclear, por exemplo. Esta constatação foi feita pelo professor Célio Bermann, do Instituto de Eletrotécnica e Energia da USP durante sua fala na mesa sobre energia na conferência “O que é política verde hoje?” O documento pode ser acessado aqui »

10 anos da Fundação no Brasil - O que é política verde hoje?

Sustentabilidade e desenvolvimento – Velhos dilemas e novos desafios

- May 21, 2010 - A mesa “Sustentabilidade e desenvolvimento” tinha como debatedores Eli da Veiga (Coordenador do Núcleo de Economia Socioambiental – NESA- da USP), Luiz Eduardo Soares (Coordenador do Curso de Especialização em Segurança Pública da Universidade Estácio de Sá e ex-secretário nacional de Segurança Pública), Marijane Lisboa (Professora do Curso de Relações Internacionais da PUC-SP e uma das fundadoras do Greenpeace no Brasil) e Jean Pierre Leroy (assessor da área de Meio Ambiente da Fase). A pergunta inicial que foi colocada a eles era sobre o conceito de sustentabilidade e se o seu uso ainda cabia na sociedade atual, num momento em que tudo parece ter um “selo verde”.
Após essa primeira discussão, outras foram surgindo, como o tema das chuvas de abril no Rio de Janeiro -que provocaram muitas vítimas fatais e um caos na cidade - e com contribuições do público.
Leia aqui os principais trechos do debate »

10 anos da Fundação no Brasil

O que é política verde hoje?

- May 12, 2010 - “Nós vamos ter que continuar apostando em uma energia limpa, mas não utilizando a energia nuclear e não apostando apenas em hidroeletricidade. Hidroeletricidade é importante, mas precisamos apostar em outras alternativas.”
Essa foi uma das declarações da senadora Marina Silva, pré-candidata do PV à Presidên­cia da República, durante um encontro com a deputada federal do Partido Verde ale­mão, Bärbel Höhn, e com a diretora da Fundação Heinrich Böll em Berlim, Barbara Unmüssig. O encontro aconteceu no dia 12 de abril, momentos antes da abertura da Conferência “O que é política verde hoje?”, organizada pela Fundação em comemoração aos seus 10 anos no Brasil. A conversa girou em torno de questões sobre meio ambiente e sustentabilidade e, obviamente, sobre a pré-candidatura da senadora. Leia abaixo os principais trechos do encontro »

Onde pastar? Por Sergio Schlesinger

- May 27, 2010 - A criação de gado bovino no Brasil é a atividade econômica que ocupa a maior extensão territorial no país. O rebanho bovino nacional é o segundo maior do mundo. As regiões Norte e Centro-Oeste, onde está localizada a floresta amazônica, são as que mais vêm sofrendo com a expansão da pecuária hoje no país. Estas são apenas algumas das informações que podem ser encontradas no novo livro de Sergio Schlesinger, pesquisador associado da Fase, “Onde pastar? O gado bovino no Brasil”.
Durante a conferência “O que é política verde hoje?”, o autor falou um pouco sobre o tema da pecuária e suas implicações sobre questões relacionadas à monocultura, biodiversidade, mudanças climáticas, legislação ambiental, etc. Sergio Schlesinger também lembrou que, para o público externo, o Brasil faz questão de dizer que não será preciso derrubar nenhuma árvore para promover o crescimento do agronegócio, uma vez que temos “milhares de hectares de terra degradada”. Uma ironia, já que, para o público interno, o discurso é de que precisamos mudar o Código Florestal pois, da maneira como foi elaborado, está “atrapalhando a produção agropecuária”.
Além do duplo discurso governamental que precisa ser equacionado, o autor alertou para outro ponto crucial que precisa ser enfrentado: a relação entre a pecuária e o aquecimento global: “ Se não enfrentarmos a questão da pecuária, não será possível atingir nenhuma meta de redução de gases de efeito estufa no Brasil.”
A publicação, que teve apoio da Fundação Heinrich Böll, pode ser obtida por meio de download aqui. Para adquirir um exemplar, favor entrar em contato com o escritório da fundação.